Plaay +5mi de músicasEscute músicas de Justin Bieber onlineplaylists


A equipe de Justin Bieber, Team Bieber, atualizou recentemente sua conta no aplicativo Fahlo com várias fotos inéditas do cantor nos bastidores de alguns de seus shows com a turnê “Believe Tour”, iniciada em setembro de 2012 e encerrada em dezembro de 2013.

Nas fotos recentemente publicadas, o cantor aparece no “Meet&Greet”, pronto para subir no palco, interagindo com os fãs no palco e outras. Veja as fotos liberadas pela equipe do canadense abaixo:

Em setembro de 2012, Justin Bieber deu início com sua segunda turnê mundial. Com um total de 156 shows realizados, sendo o último em dezembro de 2013, em 6 continentes e mais de 70 países, a “Believe Tour” conquistou uma legião ainda maior de fãs de Bieber e até mesmo novos admiradores de suas coreografias ao longo dos shows.

No “Meu Top 5″ desta quinzena, trazemos as cinco melhores coreografias de Justin Bieber com a “Believe Tour”. Apesar de possuir um repertório co mais de 20 canções, sendo boa parte delas coreografadas, pelo menos cinco canções coreografadas de cada show estão entre as nossas prediletas, sejam elas por sua diversidade ou até mesmo passos simples que nos chamam a atenção.

Confira abaixo as cinco coreografias que mais se destacaram nas apresentações do canadense com a turnê:

 

5º Take You:

Marcada por uma coreografia simples, “Take You”, é uma das músicas que não possui tanto reconhecimento quanto as outras de seu álbum “Believe”. Mesmo assim, é uma das preferidas para boa parte dos fãs. Justin encena com seus dançarinos vestidos de astronautas enquanto a coreografia é algo mais ‘robótico’, em que o cantor passeia por todos os lados do palco até o fim da canção.

 

4º Die In Your Arms:

Uma das coreografias mais simples de Justin em seu repertório com a “Believe Tour” foi uma das mais conquistadas pelos fãs: a composição romântica “Die In Your Arms” é marcada pelos passos sincronizados com vários dançarinos apoiados em um pedestal, enquanto Justin canta apoiado no mesmo e o leva até o centro do palco, encerrando a canção ainda com passos lentos.

 

3º She Don’t Like The Lights:

Após uma curta-metragem ser passada no telão, Justin impressiona seus fãs com uma coreografia inovadora na canção “She Don’t Like The Lights”. Em quase todos os shows, o cantor usou um chapéu e passou parte da música sentado na escada sendo cercado por seus dançarinos – que fizeram o papel de fotógrafos enquanto ele canta e, quando a música está perto de terminar, Justin encena com seus dançarinos novamente no centro do palco.

 

2º Out Of Town Girl:

Se há uma canção do álbum “Believe” que é pouquíssimo conhecida, porém muito adorada pelos fãs, é “Out Of Town Girl”.  Apesar de não possuir tanto reconhecimento, a música ganhou grande espaço durante a turnê realizada por 15 meses. Com uma coreografia animada e, acompanhado de duas de suas dançarinas, ele desce as escadas em um ritmo agitado, e volta a fazer a coreografia. No fim da música, o canadense repete o último refrão diversas vezes, enquanto filma seus fãs que estão mais próximos do palco com uma filmadora que fica perto de seus seguranças.

 

1º Boyfriend:

Por ter sido a penúltima, e uma das mais esperadas, canções a ser apresentada no repertório fixo da turnê, “Boyfriend” traz uma coreografia completamente diversificada, com cerca de 12 dançarinos onde todos passeiam por todo o palco em passos sincronizados, já que, no fim da canção, foi adicionada uma parte instrumental onde todos dançam juntos e vão até o final da passarela para encerrar a coreografia da canção.

 

Para que a sua coluna do “Meu Top 5″ esteja no nosso site na próxima quinzena, basta escrever seu próprio “Top 5″ com qualquer tema que envolva Justin. Nos mande para [email protected] e aguarde nossa aprovação :)

Em novembro de 2013, após passar pelo Brasil, Justin Bieber esteve em Buenos Aires, na Argentina, com a “Believe Tour”, marcada por diversas polêmicas envolvendo o canadense. Mesmo após vários meses da finalização de sua segunda turnê mundial, a visita do astro ao país ainda é comentada.

Segundo um tabloide do site Rating Cero, o promotor Martín López Perrando pediu a investigação de Bieber por ter supostamente mandado seus seguranças particulares agredirem um fotógrafo na saída de um boliche.  O motivo da investigação seria relatos dos acontecimentos entre o profissional e os seguranças pessoais do cantor.

“Assim que o cantor se retirou do local, pediram para o fotógrafo do estabelecimento, Diego Pesoa, que tirasse alguma foto. E enquanto o retiravam de lá coberto por um lençol branco, aconteceu o primeiro ato, onde Pesoa tentou bater uma foto e foi empurrado. Tentaram pegar sua câmera.” informou uma fonte.

“No momento que o fotógrafo tentou tirar outra foto, Justin Bieber disse: ‘ vai, vai!’, e assim saíram atrás de Diego e bateram no mesmo. Ele afirmou que em todo o momento, até mesmo quando o astro já estava no interior de seu carro, ainda estava dando as ordens aos seguranças.” completou.

Além das informações acima, também houve registro de estudos médicos com a confirmação das lesões sofridas pelo fotógrafo.

Em recente entrevista ao Canadian Business, Dan Kanter respondeu diversas perguntas envolvendo Justin Bieber, entre elas, como o conheceu e ele ainda conta como é trabalhar com o canadense há tantos anos, viajando pelo mundo todo com suas suas turnês mundiais finalizadas.

Além de dizer como começou a trabalhar com Justin, Dan conta o quanto o trabalho em equipe os ajuda a focar ainda mais nos ensaios, com coreógrafos, dançarinos e demais produções. Confira parte da entrevista abaixo já traduzida:

CB: como você começou a trabalhar com Justin Bieber?

Dan Kanter: eu estava conectado por um cara chamado Shawn Marino que trabalha na Universal Music. Eu devo a ele alguns jantares. Justin estava tocando em Toronto no MuchMusic em 2009, e essa dois uma das primeiras vezes que ele estava se apresentando na TV. Seu gerenciamento foi discutido levando a outra pessoa, porque eles queria um segundo violinista para essa apresentação. Mas eles também queria alguém que pudesse, eventualmente, ser um diretor musical, ensiná-lo a fazer música e apenas ser uma boa influência. Eles ligaram para a gravadora e Shawn me indicou.

CB: Então o que aconteceu depois disso?

Dan Kanter: eu fui encontrá-los uma noite antes no hotel e nós imediatamente nos demos bem. Justin esteve morando em Atlanta por um longo tempo nessa época, e eu era realmente o primeiro canadense que ele havia conhecido em um tempo. Musicalmente, nós tivemos uma boa química e ensaiamos imediatamente. Instantaneamente, eu pude ver o quão incrivelmente talentoso ele era. Eles haviam me mandado duas músicas que nós iríamos tocar na TV, e eu as aprendi antes de ir até o hotel com o meu violão. Eu disse, “Você quer tocar as músicas que nós iremos tocar amanhã?” E ele estava sobre me ensinar, e eu disse, “Não, não, eu as aprendi”. Ele ficou tão impressionado que eu aprendi as músicas. Eu sou um profissional, então, com certeza, eu cheguei preparado. Mas isso foi realmente fofo. Ele era apenas tão jovem nesse tempo, e tão preparado. E um dia depois, eu viajei 300 dias por ano pelos últimos cinco anos. Eu literalmente fui para casa e fiz minhas malas.

CB: o que envolve ser um diretor musical para Justin Bieber?

Dan Kanter: dirigir musialmente realmente começa com a tomada do álbum e organização para uma apresentação ao vivo. Com Bieber, isso inclui trabalhar muito perto de uma grande equipe, incluindo coreógrafos, um armário e as luzes.Isso também inclui um pouco de treinamento para a apresentação, escrevendo a ordem das músicas com ele e ajudando-o entre brincadeiras com algumas músicas, especialmente quando nós éramos jovens. Agora ele é muito preparado. Ele tem uma visão incrível para seu show, algo muito mais colaborativo.

CB: o quanto suas brincadeiras precisavam melhorar?

Dan Kanter: uma das coisas que eu o ensinei ainda cedo que estava presa com ele é um conceito realmente básico. Em vez de dizer, “Eu preciso que vocês cantem comigo essa próxima música”, você diz, “Vocês parecem estar cantando? Bem, eu preciso que vocês cantem comigo”. Levantar o público com uma pergunta.

CB: você é o recipiente de adoração por muitos Beliebers. Como é isso?

Dan Kanter: isso me deixa chocado que essas crianças conhecem toda a equipe, porque eu cresci adorando a banda do Elton John, Springteen ou Tom Petty – todos esses caras que mantiveram as mesmas bandas. Eu sempre abri o CD ou o vídeo cassete e li as notas para achar as pessoas que trabalhavam por trás de tudo. Toda vez que alguém vem do nada pra mim e diz, “Oh meu Deus, você é o guitarrista do Justin”, minha reação imediata é, “Wow, você é realmente um grande fã de Justin Bieber se você sabe quem eu sou”.

CB: como é um dia típico de turnê?

Dan Kanter: a única refeição que eu posso ter é o café da manhã, então, casualmente, ir a um lugar famoso para tomar café da manhã. Então nós vamos casualmente à academia juntos. Justin viaja com seu personal trainer e ele é ótimo, e nós gostamos de ir juntos, e isso é uma explosão. Eventualmente, do escrevo ou gravo algo no meu quarto do hotel antes de ir para a arena. Casualmente há muitas crianças do lado de fora e nós vamos conversar com eles, o que eu realmente me divirto. Isso sempre me deixa ainda mais animado para tocar naquela noite, quando nós estamos lá fora conversando com as crianças em primeira mão. Isso apenas me deixa na zona. Então todos nós teremos o jantar e eu vou assistir a abertura das bandas. Eu vou até o vestiário do Justin e falamos sobre o show, olhamos a set list e colocamos algumas notas no show da noite anterior. Nós fazemos um aquecimento vocal de 30 minutos antes do show. Frequentemente, nós terminamos com um ensaio e isso é, na verdade, quando nós escrevemos muitas ideias, porque é apenas eu e ele e um violão. Nós fazemos uma reza antes do show com todos, vamos ao palco e continuamos a partir disso.

Como já sabemos, a boyband carioca P9 foi responsável por abrir os dois shows de Justin Bieber com a “Believe Tour” no Brasil, que aconteceram em novembro do ano passado. Sempre deixando claro o quanto os quatro são fãs do canadense, tiveram a oportunidade de conhecê-lo nos bastidores do Rio de Janeiro.

Em entrevista à Capricho, quando comentaram sobre abrir os shows da boyband One Direction no próximo mês no Brasil, os integrantes lembradam de como foi conhecer o canadense no Brasil e, além disso, deixaram escapar que foram convidados para a festa que Justin deu na mansão alugada por ele ainda no Rio.

Assista ao vídeo abaixo a partir de 1:53:00 segundos:

Em recente entrevista ao Blog Talk Radio, a dançarina e coreógrafa Carlena Britch foi primeiramente questionada sobre ter sido dançarina de Justin Bieber em sua segunda turnê mundial, “Believe Tour”, com início em setembro de 2012 e encerrada em dezembro do ano passado.

“Bem, eu me mudei para Los Angeles no dia 15 de março de 2012 e eu me lembro que uma das minhas metas, uma das coisas que eu mais queria era viajar por todo o mundo e fazer isso com o meu trabalho, dançando. Um dos artistas com quem eu queria dançar era Justin Bieber, então eu me mudei pra cá e pouco tempo depois, 13 de abril, aconteceram as audições para Justin. E eu me lembro de ver o e-mail e estava tipo, ‘Está aqui, está em minhas mãos, tão perto’. Então eu lembro de ter ido para audição e dar o meu melhor e, felizmente, estaria na ‘Believe Tour'”, contou a dançarina.

“Isso é um pouco louco, sabe, quando você acredita em si mesma e dá o seu melhor para que as coisas aconteçam. Se você acreditar, as coisas acontecem. Eu sou um exemplo disso, eu me mudei pra cá e passei quase dois anos na ‘Believe Tour’ e foi um tempo em que eu vivi um sonho incrível”, explicou Carlena na entrevista.

Para finalizar a entrevista, Carlena foi questionada sobre como foi estar em turnê com o canadense por quase dois anos e o que ela sentia antes de subir ao palco. “Quero dizer, o que eu não esqueço são seus fãs. Os fãs dele estão em um nível muito diferente, a parte mais animada de tudo isso eram seus fãs. E porque você está em turnê com um artista que essa desse nível, nós ficamos em turnê por quase dois anos e nós meio que nos tornamos uma família”, explicou a garota.

“Era como se eu ficasse ansiosa pra ir ao palco ver os fãs. Claro, eles estavam lá pelo Justin, porque algumas pessoas não reconhecem o trabalho dos dançarinos em shows e a melhor parte era que os fãs do Justin faziam isso. É por isso que eu nunca vou esquecer seus fãs. Claro que viajar pelo mundo foi fantástico, a comida, a experiência e as coisas que eu vivi. Foi incrível, até agora foi o melhor momento da minha vida“, finalizou. Confira o áudio da entrevista abaixo:

 

 Apesar de Justin Bieber ainda ser um dos principais alvos dos comentários e críticas quando o assunto é polêmica, celebridades que já tiveram a chance de trabalhar com o cantor ou até mesmo dividir o mesmo palco, geralmente, possuem uma opinião contrária da mídia.

Em recente entrevista ao PopCrush, os integrantes da banda Hot Chelle Rae foram questionados sobre diversos assuntos, incluindo Katy Perry, planos futuros para a banda e até mesmo do tempo em que estiveram em turnê com Justin, onde abriram vários de seus shows pelos Estados Unidos em 2012.

Confira um trecho da entrevista abaixo em que eles dizem o que aprenderam quando estiveram na estrada com o canadense:

Justin Bieber foi pego pela pressão negativa da mídia ultimamente, mas ele é super talentoso nas performances. Após passar um tempo com ele em turnê, quais são as coisas que vocês aprenderam com ele?

O que nós aprendemos não é apenas de acordo com as performances, mas da maneira que ele lida com os artistas que estão em sua turnê. Para nós, muitas vezes na turnê, a abertura poderia não ser tratada com o mesmo respeito que eles deveriam tratar com outras pessoas. Eles farão coisas do tipo não deixar você usar todo o palco ou certas coisas como essa, mas toda a turnê do Bieber era tão legal, porque até mesmo Scooter e Justin nos disseram, “Olhem, vocês podem usar todo o palco. O que nós queremos não é apenas o melhor show de Justin Bieber. Nós queremos o melhor possível de Chelle”. Esse envolvimento deixando os artistas de abertura fazerem o que querem fazer. E não haviam restrições, nenhum limite, nada, e eles nos deixam fazer nosso show. Eu aprendi que é algo incrivelmente válido para mim. Isso mudou minha perspectiva das pessoas que estão indo para a estrada conosco para sempre.

Já que Justin Bieber está de férias após o encerramento de sua turnê no início de dezembro, o cantor aproveitou o tempo livre para fazer um vídeo especial aos fãs com Alfredo Flores. Na semana passada, o astro atualizou sua conta no Viddy com uma prévia do que estava por vir, o que seria um vídeo com a música “Hold Tight”.

Mas, apenas hoje, 01, Justin publicou em sua conta informal do YouTube um vídeo promocional de “Hold Tight”, em que várias das “One Less Lonely Girls” de seus shows com a “Believe Tour” recebem destaque, entre elas, a Dominique, escolhida do show de São Paulo no último dia 02 de novembro, além de mostrar rapidamente os fãs do show e logo o Meet&Greet na Nova Zelândia.

Assista ao vídeo abaixo:

Após realizar um total de 156 shows em mais de 60 países entre setembro do ano passado e dezembro deste ano, Justin Bieber foi reconhecido pelo site Pollstarpro, entre as turnês mais lucrativas de 2013, ficando no top 5.

Com mais de 169 milhões de dólares arrecadados apenas neste ano, a “Believe Tour” ocupa o 4º lugar, deixando artistas como One Direction, Taylor Swift e outros para trás. O pódio ficou com Bon Jovi – 295 milhões de dólares, Beyoncé e P!nk. Confira a lista dos 10 artistas que mais lucraram neste ano:

1. Bon Jovi
2. Beyoncé
3. P!nk
4. Justin Bieber
5. Bruce Springsteen & The E Street Band
6. Rihanna
7. Cirque du Soleil – “Michael Jackson: The Immortal”
8. Taylor Swift
9. Depeche Mode
10. One Direction

 

Não há dúvidas que, após anos de vitória, com lançamentos de novos álbuns e boas ações o fazendo ser visto como um bom garoto, Justin Bieber tenha passado por sua fase de crescimento no ano de 2013, gerando incontáveis discórdias com a mídia, sua vida pessoal e o término de um relacionamento, o que fez deste ano o seu pior e mais difícil de lidar em frente às câmeras.

Janeiro:

Como se já não bastasse ter começado o ano com dificuldades ao enfrentar o término de um relacionamento de 2 anos com Selena Gomez, Justin virou notícia em todos os países no primeiro dia do ano, após a morte de um paparazzo nas ruas de Los Angeles, na Califórnia, enquanto tentava persegui-lo com sua Ferrari branca. Apenas após o ocorrido, foi afirmado que era Lil Twist no carro e não Bieber.

Após tal acontecimento, o grande motivo que teria feito o fotógrafo persegui-lo por tanto tempo era que, na madrugada do dia 2 de janeiro, o canadense foi visto em uma festa privada no hotel Newport Beach na Califórnia, consumindo cigarro de maconha rodeado por pessoas desconhecidas. Assim que as mesmas caíram na rede, o adolescente tornou-se a notícia de todos os tabloides com inúmeras críticas sobre o que teria levado um garoto de 18 anos a ingerir substâncias perigosas. Dias depois, ele fez questão de se desculpar com os fãs no Twitter e dizer que está passando por sua fase de crescimento – ao afirmar que as pessoas só aprendem com o erro.

Aproveitando um dia de folga em Atlanta, na Geórgia, Justin visitou o hospital da fundação The Voice Fundation, do qual Ryan Seacrest e Selena Gomez são os presidentes. O cantor passou a tarde no local para fazer a alegria das crianças, tirou fotos e ainda passou um bom tempo conversando com todos que sentiram falta de uma companhia.

Com todos os comentários negativos e especulações envolvendo a vida pessoal de Justin, o que o prosseguir com sua turnê “Believe Tour” ainda pelos Estados Unidos, onde ele gravou cenas de seu novo filme “Believe Movie” nos shows de Miami, que aconteceram no fim de janeiro, quase no mesmo dia do lançamento de seu álbum “Believe Acoustic”, que trouxe duas músicas bônus: “Nothing Like Us”, sobre seu ex-relacionamento com Gomez e “I Would”.

Fevereiro:

Logo na primeira semana de fevereiro, Justin compareceu ao programa “Saturday Night Live” como anfitrião, onde participou de todos os quadros de comédia, inclusive um onde interpretava um fã de Miley Cyrus, dizendo ser fanático por sua ídola e detestar o “Justin Bieber”. Ainda falando sobre ele, o cantor fez questão de se desculpar em rede mundial sobre ter sido flagrado consumindo cigarro. Ao dizer que ele errou ao fazer isso, mas que é normal as pessoas errarem e que ele nunca mais fará isso, os apresentadores ficaram surpresos com a confissão indireta em um programa de humor.

Já no programa “Late Night With Jimmy Fallon”, Justin polemizou mais uma vez ao beijar um manequim durante um dos quadros do programa em que eles conversavam e se divertiam jogando basquete. Assim que Bieber beijou o manequim, os fãs causaram a maior repercussão nas redes sociais pela atitude impensável e sem intenção do cantor.

Dias depois, o cantor aproveitou o restante de suas férias da turnê para passar um tempo afastado da mídia com seus familiares, e, no dia do Grammy – premiação da qual não conseguiu uma indicação – Justin resolveu fazer uma Twitcam surpresa aos fãs, onde mostraria uma nova música.

Mas, devido um exagerado e incontrolável acesso dos fãs na Twitcam, o site ficou sobrecarregado e após horas tentando conversar com os fãs, ele gravou um vídeo se desculpando pelo imprevisto e mostrou um trecho da nova música, “You Want Me”, que não está finalizada até hoje e sequer foi lançada.

Embarcando com sua turnê pela Europa, Justin foi perseguido a todo momento pelos fotógrafos quando saía nas ruas, e, em dos motivos que deixou a mídia pensar que o canadense continuava envolvido com substâncias pesadas seria o fato dele ter saído nas ruas acompanhado de seus seguranças e sua equipe com uma máscara de gás, o que os fez pensar que seria a própria para poder consumir a substância que quisesse em público.

Mesmo com todos os comentários sobre sua atitude, ele tornou a usá-la mais vezes até mesmo em Londres, onde aconteceu uma das semanas mais turbulentas do ano tanto em sua carreira quanto em sua vida pessoal.  Sem explicações, Justin desabafou com os fãs em seu Instagram ao escrever que a mídia exagera demais ao falar sobre a vida pessoal de uma celebridade e ele não tem feito tudo o que andavam especulando – sem citar acontecimentos.

Na noite anterior de seu aniversário, Justin voltou para o hotel de Londres após um show e foi abordado por fãs sem camisa, com a calça abaixo de onde deveria estar. Mesmo estando apenas voltando para seu hotel, ele foi comentado por todos os sites europeus – principalmente por estar no país para uma série de shows.

Março:

Já noite de seu aniversário, que estava marcado para ser celebrado em uma boate famosa em Londres, Justin chegou ao local já cercado por inúmeros fotógrafos e fãs pedindo para entrar, sendo que a mesma só era permitida para pessoas maiores de idade, o que nenhum dos fãs eram.

Assim que vários fotógrafos conseguiram invadir o local, ele foi obrigado a sair de sua própria festa após apenas 15 minutos dentro do local e declarou em seu Twitter ter sido o “pior aniversário”, por conta dos fotógrafos, o que deixou os fãs preocupados. No dia seguinte, ele se explicou ao dizer que comemorou com seus amigos em um local mais particular, evitando os flashes a todo momento.

Ainda na mesma semana, o cantor acabou consumindo álcool além do normal, o que o fez urinar em um balde de limpeza por falta de sobriedade em um restaurante de Londres, onde além de ter dado risada para as câmeras, ele disse palavras grosseiras ao ex-presidente Bill Clinton, desculpando-se meses depois. Para encerrar a semana, Justin sofreu um colapso durante um de seus shows realizados em Londres e foi levado diretamente ao hospital, onde passou a noite em observação e nada foi constatado como causa do colapso, além da falta de descanso.

Quando estava deixando seu hotel em Londres na manhã do dia seguinte, ele foi abordado e ofendido verbalmente por vários fotógrafos que o seguiram até seu carro, mandando-o voltar para a América, já que havia aprontado o suficiente em apenas duas semanas. Irritado, ele tentou bater nos homens, mas foi segurado por seu segurança e voltou para  SUV preta.

Mesmo com tantos acontecimentos negativos ao seu redor, Justin venceu a categoria de “Melhor Cantor” do Kids Choice Awards 2013, mas não pôde comparecer por ainda estar na Europa, realizando uma série de shows sem parar.

Com o clipe de “Baby” e todos os outros publicados em sua conta na VEVO desde 2009, Justin foi considerado o artista mais assistido na história do YouTube, por ter mais de 4 bilhões de acessos em seu canal com mais de 15 videoclipes.

Dentre esses e outros acontecimentos, os três primeiros meses turbulentos do ano de Bieber estavam apenas começando. Com o lançamento de seu segundo filme, “Believe Movie”, já agendado para o mês de dezembro, os fãs quase não faziam ideia da produção que estava por vir junto com os shows de sua turnê ao longo do ano.

Abril:

No início de Abril, Bieber publicou uma foto um tanto polêmica em seu Instagram com Selena, onde apareciam juntos como namorados e a mesma foi deletada em 10 segundos. Mesmo assim, todos os fãs conseguiram espalhar a foto por todas as redes sociais, levantando a possibilidade de uma reconciliação entre ambos, o que não foi confirmado na época.

Assim que chegou na Dinamarca para realizar alguns shows e gravar parte de sua curta-metragem do “The Key”, ainda abril, o canadense foi flagrado ao deixar o hotel – no fim do mês – coberto por uma jaqueta e capuz, ao lado de sua ex-namorada Selena Gomez. Com todas as especulações de que ambos teriam reatado o namoro de dois anos, Justin publicou em seu Instagram uma foto um tanto íntima enquanto mexia em seu computador e Gomez o abraçava por trás, ao dizer na legenda que ela queria acariciá-lo, mas ele não parava de fazer músicas.

Ainda em sua série de shows pela Europa, Justin passou um dia de folga no famoso Museu Anne Frank House em Amsterdã, na Holanda, onde deixou uma mensagem no livro ao dizer que, se a garota estivesse viva, teria provavelmente sido uma Belieber. No mesmo instante em que fez o comentário, o canadense foi absurdamente insultado por ter feito uma “brincadeira” com a história de Anne e todos teriam levado seu comentário como um xingamento, principalmente aos donos do Museu.

Sem entender o motivo de tanta polêmica após um simples recado deixado no livro, Justin se desculpou ao dizer que não teve a intenção de ofender ninguém e muito menos “zombar” da história de Anne Frank. Já quando desembarcou na Alemanha para alguns shows, Bieber tentou entrar no país com seu macaco-prego de estimação, OG Mally, mas por não ter autorização e nem a documentação necessária, ele foi intimado a deixar o animal preso na Alemanha até segunda ordem.

Para poder tê-lo de volta, Justin teria que pagar uma multa de mais de 10 mil dólares e ter a documentação apropriada para poder libertá-lo, mas como já havia deixado a Europa, ele acabou deixando seu antigo animal de estimação por conta das propriedades alemãs. Além disso, Justin foi obrigado a deixar várias boates europeias das quais foi, por ser menos de 21 anos e não poder permanecer no local, já que ele ainda tem 19.

Maio:

Já em Maio, durante o segundo show do canadense em Dubai, um homem invadiu o palco, durante a performance de “Believe”, e, quando os seguranças tentavam o retirar do local, o piano acabou sendo derrubado, porém Justin continuou cantando e, até mesmo, chegou a rir do ocorrido. Após alguns dias, o rapaz, identificado como Abdo Gotni, afirmou que só subiu no palco porque queria abraçar seu ídolo.

E as polêmicas em Dubai não acabaram por ai, Justin recebeu várias multas por excesso de velocidade na cidade ao passar pela rodovia Sheikh Zayed Road, equipada com pelo menos seis radares, com uma velocidade muito maior do que a permitida no local, informação confirmada logo após pelo Departamento de Trânsito Policial de Dubai.

Mas a passagem da “Believe Tour” pelos Emirados Árabes não foi marcada só por polêmicas, Justin ainda bateu um recorde, fazendo com que suas apresentações fossem consideradas o maior evento musical na história de Dubai.

Ainda durante o mês de Maio, Justin Bieber e Scooter Braun, seu empresário, fizeram uma participação especial no desenho animado “Os Simpsons”, em um episódio sobre um show de talentos para menores de 10 anos que Justin tentou participar, porém foi impedido pelo segurança: “Primeiramente, você obviamente tem mais de 10 anos de idade, e segundo, você é claramente o Justin Bieber!”

No mesmo mês, Justin também se tornou o primeiro artista masculino a obter o certificado Diamond, que só é atingido com um número de vendas superior a 10 milhões, após ter conseguido 12 certificados de platina com seu single “Baby”.

Justin Bieber também aproveitou uma pequena pausa em sua turnê para comparecer ao Billboard Music Awards 2013, ganhando três prêmios – “Top Social Award”, “Top Male Artist” e “Milestone Award”. O cantor ainda se apresentou com duas músicas. Primeiro, ocorreu a performance de “Take You”, que contou com Bieber em uma roupa toda preta e uma coreografia bem elaborada e acabou com ele saindo do palco dentro de um globo de metal. E, depois, o cantor se apresentou, ao lado de will.i.am, com a música “#thatPOWER”, com uma performance muito divertida e com a ajuda de dançarinos “robôs”.

Justin também aproveitou sua passagem pelo local para visitar novamente a Whitney Elementary School e surpreendeu centenas de alunos ao apresentar uma doação no valor de 150 mil dólares para ajudar a alimentar os estudantes sem-teto e de baixa renda escolar.

Ainda durante a pausa da “Believe Tour”, o canadense acabou se envolvendo em uma confusão com um de seus vizinhos, Keyshawn Johnson, após dirigir em alta velocidade dentro da comunidade fechada que ambos moram em Calabasas, na Califórnia. O vizinho, ex-jogador de futebol americano, seguiu Justin até sua casa e o confrontou sobre seu modo de dirigir, porém a história foi esclarecida pela polícia e foi determinado que Tyler, the Creator era o verdadeiro condutor do veículo no caso.

Junho:

Junho já começou com alguns problemas. Logo no começo do mês, Justin e seus seguranças foram acusados de agredir um paparazzo que estava tirando fotos do cantor no estacionamento do estúdio The Hit Factory. O astro pop foi acusado de ter apagado as fotos da câmera do fotógrafo enquanto seus seguranças o seguravam. Após esse incidente, o paparazzo entrou com um processo contra Bieber.

Foi também neste mês que as datas dos tão esperados shows do canadense no Brasil foram divulgadas. Assim, os fãs começaram a se preparar para a “Believe Tour” que passaria pelo território brasileiro nos dias 2 e 3 de novembro, na Arena Anhembi, em São Paulo, e na Apoteose, no Rio de Janeiro. Depois de algum tempo, também foi anunciado que a pré-venda dos ingressos começaria dia 5 de julho.

Junho também acabou sendo um mês muito bom para os fãs do cantor de todo o mundo, pois a edição de colecionador da U.S Magazine, com o título “O Diário Fotográfico de Justin – Por Dentro do Meu Mundo Privado”, chegou as bancas com uma enorme quantidade de fotos exclusivas do cantor e com uma matéria muito sincera, onde o cantor falou sobre sua família, sobre suas preferências e sobre diversas outras coisas.

Ainda durante suas férias, o canadense aproveitou o tempo livre para se focar no seu novo projeto, o “Music Mondays”, e passou boa parte do seu tempo escrevendo e no estúdio. E ainda começou a divulgar o primeiro single do projeto, intitulado “Heartbreaker”, que só viria a ser lançado em outubro.

Justin também se envolveu em outra confusão com um paparazzo ao deixar o clube de comédia Laugh Factory, na Califórnia. Como foi possível ver em um vídeo do momento, o cantor acabou acertando a lateral da perna de um fotógrafo com seu carro quando saia do local. Porém, como foi esclarecido depois, aquilo não passou de um acidente e o cantor nem sabia que tinha encostado no homem, por isso acabou deixando o local sem prestar socorro ao mesmo. Sendo assim, Justin foi inocentado.

No final de junho, a “Believe Tour” voltou com força total e o cantor continuou a fazer shows pela América do Norte, começando novamente em Los Angeles, na Califórnia, no Staples Center, famoso estádio da cidade, e o show contou com Mike Posner e a banda Hot Chelle Rae como atrações de abertura.

Junho também foi marcado pela estreia da terceira fragrância do cantor, intitulada de “The Key”, que, algum tempo depois, teve seu comercial lançado e o mesmo trouxe a primeira prévia, com 30 segundos, de “Heartbreaker”, deixando os fãs ainda mais animados para o lançamento da música.

Julho:

Em julho, mais informações sobre a passagem da “Believe Tour” no Brasil foram sendo divulgadas. A data da venda geral dos ingressos ficou marcada para o dia 15 desse mesmo mês e a confirmação de que haveria venda de Meet&Greet, apenas para membros do fã clube oficial do cantor, surgiu, para a alegria de muitos fãs, apesar do elevado preço (3 mil reais).

Várias novas informações sobre o lançamento do novo projeto de Justin, o “Music Journals”, foram divulgadas e Scooter Braun, o empresário do cantor, também divulgou outras informações sobre o segundo documentário do canadense, intitulado de “Believe Movie”.

E o ano de Bieber continuou sendo marcado por polêmicas, o site TMZ divulgou um antigo vídeo do cantor urinando em um balde de limpeza de uma casa noturna, provavelmente enviado por algum amigo do canadense que estava presente na hora do ocorrido. Além disso, o cantor ainda aparece xingando Bill Clinton, antigo presidente dos Estados Unidos. Após o incidente, Justin fez questão de ligar para Clinton e se desculpar pelo que fez e também utilizou seu Twitter para se redimir, resolvendo, assim, grande parte do problema.

Julho também foi um mês marcado por músicas, uma prévia de 2 minutos da música “Wait For a Minute”, de Tyga com a participação de Justin, foi divulgada. O canadense ainda publicou dois vídeos curtos, em seu instagram, cantando partes de “Heartbreaker”. Algumas fãs também tiveram a oportunidade de escutar diversas músicas novas, tocadas por Justin da sacada, enquanto esperavam pelo cantor em seu hotel em Toronto.

Agosto:

Em agosto, Justin e seus seguranças voltaram a se envolver em confusões. Dessa vez, os seguranças foram acusados de agredir um homem que chegou perto do cantor para pedir a gravata dele, que estava com uma das garçonetes que deixaram a boate com Justin, de volta. O canadense também foi acusado de ter saído de seu carro para participar da briga. Porém, foi esclarecido que ele não se envolveu e, como pode ser visto em um vídeo, apenas seus guarda-costas foram responsáveis pela confusão.

No mesmo mês, supostas fotos de Justin nu tocando violão na porta da casa de sua avó, Diane Dale, no Canadá, foram divulgadas pelo TMZ. O site ainda afirmou que tudo não passou de uma brincadeira feita por amigos do cantor que o desafiaram a fazer aquilo. Porém, não houve nenhuma confirmação feita pela equipe do de Justin se aquelas fotos eram ou não verdadeiras.

O especial de 24 horas “Bieber O’Clock”, realizado pela MTV, que contou com a divulgação de vários vídeos, tanto antigos quanto novos, de Justin e sua família a cada hora, também ocorreu em agosto. O especial foi um “aquecimento” para a estreia do documentário “Never Say Never” no canal.

Nesse meio do ano, Justin também se tornou o maior colaborador da fundação “Make-A-Wish”, com mais de 200 sonhos realizados, visto que o cantor sempre conhece várias crianças da fundação antes de todos os seus shows. Essa acontecimento gerou vários elogios ao canadense.

Além disso, a “Believe Tour” teve, novamente, uma pequena pausa. O cantor só voltaria a fazer shows no final de setembro, quando se dirigiu para Tailândia, na Ásia, para dar continuidade a mais uma etapa de sua mais recente turnê. O cantor aproveitou sua folga para descansar e se dedicar ao seu novo projeto, indo quase todos os dias ao estúdio para finalizar as novas músicas.

Uma antiga música de Michael Jackson, “Slave To The Rhythm”, com participação de Justin, acabou vazando na internet antes de ser finalizada. De acordo com notícias, o cantor teria pedido autorização à equipe de MJ para finalizar a música, porém, de acordo com representantes do Rei do Pop, isso nunca ocorreu e o dueto não havia sido autorizado.

O astro pop ainda aproveitou a pausa da turnê para viajar para uma ilha privada nas Bahamas com alguns de seus amigos, como Lil Za e Ryan Butler. Após voltar de sua curta viagem, o canadense voltou a se dedicar à turnê, indo várias vezes a estúdios para ensaiar as coreografias com seus dançarinos.

Setembro:

O canadense iniciou o mês de setembro aproveitando bem as férias, o cantor foi a um show da banda Phish, em Denver, Colorado e depois ainda se divertiu em uma festa. Após os dias de folga, o primeiro teaser do clipe “Lolly” e as datas do mesmo foram divulgados, deixando os fãs do astro de 19 anos mais ansiosos.

Justin deu inicio a outra parte de seu filme, na qual daria todas as respostas que o mundo precisava ver com seu segundo documentário “Believe Movie”, onde o cantor realizou uma entrevista com o produtor do filme, Jon M Chu. A conversa é com certeza uma das partes mais esperadas do documentário, onde Justin conta tudo, em uma entrevista super honesta e sem censura.

Depois de uma temporada de coisas boas, uma grande polêmica envolvendo Justin e seu amigo surgiu, quando o canadense postou uma foto de Poo Bear, onde – aparentemente - ele segurava um saquinho branco, que poderia ser algum tipo de droga. Logo os fãs se revoltaram no Instagram e Justin apagou a foto. Mas os rumores não pararam por ai e, segundo um site, um suposto aparelho usado para fumar ervas teria sido descartado da van do cantor.

As polêmicas de que Justin estaria fumando logo se espalharam e o site TMZ conseguiu uma conversa com Poo Bear, que também foi acusado de estar fumando, mas o mesmo afirmou ao site que os rumores são falsos e que ele e Justin nunca fizeram nada ilegal. O piloto do jato do cantor também falou sobre isso e afirmou que não sentiu nenhum cheiro forte.

No meio de várias coisas negativas, uma noticia boa surgiu e Justin entrará para o Guiness Book 2014 com novo record. Depois de ter fechado o antebraço de tatuagem, Bieber apareceu em uma foto com uma nova tatuagem, mas desta vez com uma citação bíblica e na parte de trás do seu ombro direito.

Depois de alguns dias de atraso, finalmente o clipe de “Lolly”, com a participação de Justin Bieber, foi divulgado e os fãs enlouqueceram com o mesmo. O que mais surpreendeu os fãs foi o fato do cantor ter aparecido sem camisa no clipe, coisa que nunca havia acontecido antes.

Ainda aproveitando suas férias, Justin foi a dois desfiles e acabou sendo visto com sua antiga amiga, Jacque Rae. Os dois foram vistos também ao embarcar em um avião, o que abriu espaço para mais uma polêmica surgir e começaram a alegar que eles teriam um caso, já que ela foi a única garota que compareceu à luta de Floyd Maywheater X Caleno Alvarez com seus amigos e seu irmãos mais novo, do qual ele subiu no ringue. Depois dos fãs de Justin encherem o Twitter da Jacque com perguntas sobre os dois, ela resolveu se pronunciar e disse que eles são apenas amigos.

Dia 23 de setembro, após quase um mês e meio de férias, Justin voltou aos palcos para se apresentar com sua turnê, “Believe Tour”, começando por Singapura. Mesmo com o cantor pela estrada, um novo rumor surgiu, no qual alegava que os amigos de Justin, Lil Twist e Lil Za teriam furtado alguns pertences do canadense, mas logo depois da noticia se espalhar, Bieber postou uma foto em seu Instagram e desmentiu o rumor.

Como sabemos, Justin adora ajudar aqueles que necessitam e foi isso que ele fez quando apoiou a grande campanha em prol de levar água potável para os países pobres. Depois de um bom tempo sem lançar músicas ou projetos, Justin iniciou uma contagem regressiva de dez dias para lançar um nova música e todos já imaginavam que seria “Heartbreaker”, já que o cantor enrolou os fãs por um bom tempo dizendo que lançaria “logo”.

Antes de deixar a Califórnia, o cantor participou do programa de humor, “Funny Or Die”, no quadro chamado “Entre Duas Samambaias”, onde concedeu uma entrevista humorística com  Zach Galifianakis e falou indiretamente sobre os últimos rumores envolvendo sua carreira.

Ao desembarcar na China para realizar mais shows, Justin foi à Grande Muralha da China, onde uma foto dele sendo carregado por seus seguranças foi divulgada e acabou criando uma polêmica, onde os tabloides diziam que o ato do cantor foi ridículo e sujo por ter feito isso com seus guarda-costas.

 

Outubro:

O mês de outubro começou bem para os fãs de Justin, que estavam esperando há um bom tempo para o lançamento do seu single, “Heartbreaker”. Junto com o lançamento da mesma, Bieber também anunciou o inicio de seu novo projeto, “Music Mondays”, onde a cada segunda-feira durante dez semanas uma música de seu álbum, “Journals”, seria lançada. Justin surpreendeu mais os fãs quando divulgou a data oficial do lançamento de seu segundo documentário para o dia do Natal, 25.

Depois de quatro meses de espera, finalmente “Heartbreaker” foi lançada e agradou a maior parte do publico que julgou um Justin Bieber mais maduro. O single deixou muitos fãs do cantor de boca aberta, já que o mesmo foi muito honesto, como um verdadeiro diário, e acabou deixando todos mais ansiosos pelo que estaria por vir durante as próximas dez semanas.

Infelizmente tudo não continuou perfeitamente e uma foto de Justin com um cigarro que provavelmente seria maconha foi divulgada. A tal foto começou a circular pela internet e seus fãs ficaram realmente desapontados com a situação. Voltando para as surpresas dos fãs, Justin lançou um novo projeto, no qual seria disponibilizado um novo trailer de seu filme a cada sexta-feira, desde que sua última canção lançada tenha ficado em #1 no iTunes, como seu último single, “Heartbreaker” alcançou o topo, o primeiro trailer do “Believe Movie” foi lançado.

Dando continuidade ao seu projeto, Justin divulgou que “All That Matters” seria o próximo single a ser lançado. Com vários shows e agenda cheia por conta de sua turnê, o astro de 19 anos arranjou uma noite de folga para poder assistir a versão finalizada de seu segundo documentário, onde Justin acabou se emocionando ao lado de sua equipe e amigos.

Um vídeo da música “All That Matters”, gravado na Grande Muralha da China, acabou caindo na rede e deixou o canadense e sua equipe chateados. O cantor decidiu então divulgar o single da próxima semana, que seria “Hold Tight” e ainda publicar o segundo trailer de seu filme.

Há um bom tempo sem conceder entrevistas, Justin finalmente aceitou e teve uma conversa com direito a fotos  junto de seu empresário, Scooter Braun para revista americana The Hollywood Reporter. Mais uma semana se passou e “Hold Tight” foi lançada, mas acabou não agradando muito ao público. Mesmo assim, o terceiro vídeo promocional de seu filme foi lançado.

Mais uma polêmica envolvendo Justin Bieber começou a circular pelos tabloides, quando uma stripper afirmou ter dormido com o canadense e que ele havia desembolsado muito dinheiro pela noite, mas o cantor e nem sua equipe se pronunciaram sobre o caso. Em seu Twitter, Justin divulgou o nome de seu quarto single a ser lançado, “Recovery”.

Deixando seus fãs morrendo de orgulho, Justin ajudou a construir uma escola em parceria com a “Pencils Of Promise” na Guatemala. O cantor tirou fotos com várias crianças no local, se divertiu e realizou muitos atos de caridade a todos eles que sofrem com uma pobreza absurda. Já no final de outubro, com os dias na reta final para a “Believe Tour” no Brasil, foi divulgado quem abriria os shows de Justin em nosso país e a banda cotada foi a P9.

Novembro:

Depois de dois anos de espera, finalmente em 1 de novembro, Justin chega no Rio de Janeiro, após deixar vários fãs o esperando em São Paulo, o canadense apareceu na sacada do hotel Copacabana Palace, onde tirou fotos e acenou para os fãs cariocas. Ao aparecer duas vezes e acenar para os fãs, os mesmos se aglomeraram na entrada do hotel e causaram um enorme tumulto para ver Justin.

Com tudo indo bem pelo Brasil, o empresário de Justin, Scooter Braun, postou em seu Twitter que “Bad Day” seria o quinto single do cantor a ser lançado. Bieber aproveitou o dia de folga em nosso país e foi conferir a beleza das mulheres brasileiras no termas Centauros, em Ipanema. O canadense acabou irritado horas depois de sair do local coberto por um pano e acompanhado de duas mulheres.

Depois de sair do local acompanhado de duas garotas, alguns rumores diziam que Justin não teve permissão para entrar no hotel acompanhado e isso fez com que ele alugasse uma mansão, ainda no Rio de Janeiro.

Dando continuidade a sua trajetória pelo nosso país, Justin se apresentou com um show um maravilhoso em São Paulo, para mais de 35 mil pessoas. A apresentação foi um tanto quanto polêmica, já que Bieber atrasou cerca de uma hora e meia e três horas para o Meet&Greet, e deixou o palco sem cantar seu maior sucesso, “Baby”, após ser atingido por um CD azul.

Depois do inconveniente incidente que o atingiu, Justin resolveu sair para aproveitar a noite em São Paulo e foi para a casa noturna Disco, onde acontecia uma festa comandada por Taylor James, seu DJ oficial. Após curtir a cidade paulista, Justin seguiu para a boate Zax, no Rio de Janeiro.

O canadense saiu da Zax e foi diretamente para a mansão alugada, onde aconteceu uma festa pela madrugada com várias garotas que estavam na boate. Depois da noite de diversão com as brasileiras, Justin realizou seu segundo e último show em nosso país após o Meet&Greet, no Rio de Janeiro. A apresentação foi espetacular e sem nenhum problema, a não ser o imprevisto de um fã que subiu ao palco  durante a última música da noite e Justin o confundiu com um de seus dançarinos.

Ainda em nosso país, Justin se confundiu, por conta do fuso-horário, ao falar que “Bad Day” já havia sido lançada, 3 horas antes do horário previsto, mas, logo após, o cantor brincou com o fato através de um vídeo em seu Instagram.

Depois que o canadense realizou seus shows em nosso país, as polêmicas começaram a surgir, primeiramente um vídeo do momento em que o “Meet&Greet” acontece foi divulgado, onde o mesmo é muito rápido e não há tempo para conversar, o que acabou deixando muitas pessoas intrigadas, principalmente pelo valor cobrado ter sido de 3 mil reais, o mais caro até então. Antes de ir embora, Justin aproveitou a madrugada tranquila para grafitar - provavelmente sem saber que no Brasil é crime – os muros de São Conrado, Rio de Janeiro.

O ato acabou chocando centenas de Brasileiros que ficaram inconformados com o que viram, os comentários logo surgiram e todos de uma forma negativa. Muitos diziam que Justin realizou um ato de vandalismo em nosso país e não teve respeito algum, principalmente depois que começou a circular uma foto do canadense andando livremente e fazendo um gesto obsceno para um paparazzo, que se irritou e logo após apagou os grafites que Justin realizou. Após a noticia sobre a pichação ter ficado enorme, um delegado carioca afirmou ao jornal que Justin tinha autorização para realizar a arte, mas ele tinha um espaço especifico para grafitar, porém ele se confundiu e fez sua arte em outro local.

Na tarde do dia 6, quarta-feira, Justin se despediu do nosso país ao deixar sua mansão alugada em Joá, seguindo para o aeroporto acompanhado de duas viaturas da policia de choque, rumo ao Paraguai, onde tinha um show previsto para o mesmo dia. Após deixar o Brasil, as polêmicas continuaram mais fortes ainda, principalmente depois que Tati Neves, garota que supostamente dormiu com o canadense, postou um vídeo de si mesma ao lado de Justin, que ainda estava dormindo.

Com toda essa tensão rolando, Bieber publicou um novo trailer de seu filme, deixando assim seu fãs mais ansiosos para a estreia do mesmo e, em seguida, anunciou que seu próximo e sexto single a ser lançado seria “All Bad”. O astro de 19 anos foi à boate Jet, na Argentina, onde saiu acompanhado de duas garotas.

Depois de vencer três categorias do EMA 2013 e realizar dois shows bem sucedidos na Argentina, Justin sofreu com uma intoxicação alimentar e acabou deixando o palco após ter cantado apenas dez músicas. O canadense tentou realizar a apresentação sem ter que interrompê-la, mesmo depois de ordens médicas, mas não foi possível, pois ele estava realmente mal e já havia tomado soro para se recuperar. O acontecido deixou muitos de seus fãs preocupados, mas, depois de descansar um pouco, o cantor afirmou já estar melhor e pronto para outra.

Após realizar show no Chile, o canadense causou mais polêmica ao varrer a bandeira da Argentina, o que deixou muitos fãs sem acreditar no que viam, mas, depois de muitos falarem sobre o ocorrido, Justin se explicou no Twitter e afirmou que não sabia que aquilo era uma bandeira, ele pensava que era uma camisa.

Ao finalizar os shows pela América Latina, Justin tirou uma semana de folga e voltou para sua mansão em Calabasas, na Califórnia, para iniciar as gravações do clipe “Wait For A Minute”, em parceria com o rapper Tyga, e “All That Matters”. Em apenas uma semana Justin presenteou seus fãs com muitas novidades, seu próximo single, “PYD”, com a participação de R. Kelly, música promocional para fãs que adquirirem ingressos para seu filme e o primeiro trailer oficial do “Believe Movie”.

Ainda em sua sua semana de folga, Justin aproveitou para dar uma festa em sua mansão, mas a mesma acabou irritando um de seus vizinhos por conta do barulho. Mais um ato de bondade vindo de Justin Bieber aconteceu, quando o canadense grafitou e depois autografou as latas de spray para leiloá-las e doar o dinheiro arrecadado para as vitimas do tufão nas Filipinas.

Depois de realizar dois shows no México, o cantor aproveitou o resto da semana de folga para se divertir no Havaí com seus amigos. Mais uma semana estava se passando e Justin disse que “Roller Coaster” seria seu oitavo single a ser lançado.

Justin, então, finalmente foi fazer sua última parada para shows, desta vez na Austrália, na reta final para finalizar sua turnê, “Believe Tour”. Ao passar pelo país no qual ele tinha sete apresentações marcadas, Justin aproveitou para curtir uma bela praia australiana, dar uma festa na cobertura de seu hotel, surfar e, claro, não pode deixar de grafitar, o que novamente virou polêmica e o prefeito de Gold Coast mandou o cantor limpar o que fez, mas isso não aconteceu.

No Twitter, Justin disse que “Change Me” seria o nono e penúltimo single do projeto a ser lançado. O cantor também surpreendeu os fãs ao aparecer em fotos no Instagram com uma tatuagem de águia no bíceps esquerdo.

Dezembro:

O astro de 19 anos começou o mês de Dezembro com o lançamento do seu mais novo clipe de “All That Matters”, que conseguiu agradar a maioria do público, principalmente pela maturidade mostrada no vídeo. Justin também divulgou o nome da penúltima música, “Change Me”.

Mesmo com a agenda lotada de compromissos, o canadense teve tempo de fazer mais uma tatuagem, uma estrela no braço esquerdo. Bieber mostrou o quanto se importa quando realizou um show acústico e privado para Kate O’Neill, uma fã que sofreu com um grave acidente de carro e não pode comparecer aos shows que o cantor realizou em seu país, Austrália.

A onda de coisas boas não parou por ai, Justin ainda fez um vídeo, no qual dizia que quem ajudasse com uma certa quantia doada para as vitimas do tufão nas Filipinas teria a chance de passar um dia no estúdio com o cantor. A campanha chegou a render mais de um milhão de dólares e acabou deixando Justin e sua equipe muito orgulhosos.

O astro de 19 anos divulgou sua última música do projeto “Music Mondays”, “Confident”, que seria responsável por finalizar a série de dez músicas do “Music Mondays”, mas o que ninguém sabia é que ainda teria mais por vir e todos ficaram surpresos quando o canadense afirmou que teriam mais 5 músicas a serem lançadas.

Após 15 meses, 156 shows e ter passado por 73 países com sua turnê, no dia 8 de Dezembro, o canadense se apresentou pela última vez com a “Believe Tour”, em Perth, na Austrália. Porém, na verdade, o cantor quis fazer uma finalização diferente e decidiu realizar sua última apresentação nas Filipinas, com um show beneficente para as vitimas do tufão.

Justin brincou com as crianças, jogou com alguns moradores do local e comentou em seu Twitter sobre a viajem, que, segundo ele, foi a mais tocante e inesquecível da sua vida.  Para os brasileiros, uma surpresa chegou quando a distribuidora oficial do “Believe Movie” divulgou a data de estreia do filme no Brasil para dia 28 de fevereiro de 2014.

Há algumas semanas, muitos foram surpreendidos com a morte do ator Paul Walker, protagonista do filme “Velozes e Furiosos”. Como imaginado, logo os rumores apareceram e cogitavam uma possível substituição no filme feita por Justin Bieber. Felizmente, o rumor foi desmentido e não tem possibilidades do canadense atuar no filme.

Mais um presente para os fãs de Bieber estava a caminho: o mais novo álbum do canadense, “Journals”, que iria conter os dez singles do “Music Mondays”, mais 5 músicas, intituladas “Swap It Out”, “One Life”, “Backpack” feat. Lil Wayne, “What’s Hatnin” feat. Future e “Memphis” feat. Big Sean. O dia de estreia do álbum ficou marcado para dia 23 de Dezembro, juntamente com uma música bônus, “Flatline”, grátis para os fãs.

Dedicado aos fãs, Justin divulgou o último trailer promocional de seu filme. Aproveitando as férias, Bieber compareceu em uma sessão exclusiva do “Believe Movie” e ainda presenteou os fãs no evento que foi realizado pela Rádio Disney. O cantor também realizou uma entrevista à rádio Power 106 FM de Los Angeles, onde falou sobre seu filme, ex-relacionamento, amor e sobre suas novas músicas.

Ainda na rádio, Justin falou que iria se aposentar, deixando muitos de seus fãs preocupados e assustados, mas o canadense e sua equipe já afirmaram que aquilo foi apenas uma brincadeira. Ele vai sim tirar longas férias, de provavelmente um ano, mas apenas isso. Depois de ir à rádio, Justin aproveitou o dia de folga para gravar o clipe de seu último single, “Confident”.

O dia que todos esperavam para ver Justin de terno finalmente chegou, a noite da estreia do filme do cantor foi espetacular, teve direito a um tapete roxo e uma parte própria para grafites, que estavam sendo realizados na hora do evento. O canadense estava vestido com um terno vermelho, correntes de ouro e com óculos.

O evento contou com a presença de Debby Ryan e Christina Garibaldi, apresentadoras da noite, o diretor do filme, Jon M Chu, o empresário do canadense, Scooter Braun, e seu mentor, Usher Raymond, entre outros membros de sua equipe. Os amigos e familiares de Justin também compareceram à premiere.

Sua passagem pelo tapete roxo foi rápida, mas deu tempo dele ser entrevistado algumas vezes. Bieber falou sobre o filme, alguns planos para o ano que vem e afirmou que quer tirar as devidas longas férias para poder ver seus irmãos crescerem e passar mais tempo com eles. Assim como seu empresário, que reforçou o anúncio de Justin e disse que ele precisa de férias.

Como nem tudo é o que parece, um vídeo de Justin consumindo maconha com seus amigos caiu na rede, onde ele estava dentro de um trailer na Califórnia. Apesar da decepção dos fãs, nem ele ou até mesmo sua equipe comentaram sobre o ocorrido, já que ele estava acompanhado de quase todos os seus amigos.

Na semana do Natal, Justin finalmente lançou seu álbum digital, “Journals”, cujo alcançou o #1 no iTunes em mais de 60 países e levou o cantor para a primeira posição do Social 50 da Billboard, por conta do ótimo desempenho do álbum.

Apesar de ter sido seu ano mais turbulento e agitado desde os seus 12 anos, o cantor já está no Canadá com sua família, aproveitando para assistir ao seu filme com os fãs e seus irmãos em Stratford, Ontário, e ficará lá até o próximo ano, que está repleto de planos – envolvendo apenas o estúdio e sua família.

Página 1 de 391234...102030...Última »